apoio popular

Com discurso forte e afiado, Eder é prestigiado por mais de 700 pessoas em lançamento de pré-candidatura

Publicados

em

Ex-secretário é o principal nome do PV para a Assembleia Legislativa

Com amplo apoio popular, o PV oficializou na manhã desta terça-feira (14) a pré-candidatura do ex-secretario de Estado Eder Moraes a deputado estadual. O auditório do hotel Holiday na Avenida Miguel Sutil em Cuiabá ficou lotado de populares e lideranças comunitárias como Wyllis Martins,  Bob Medina, dentre outras inúmeras lideranças e apoiadores que compareceram ao evento que teve início às às 7h.

Em discurso, Eder Moraes, que foi secretário de Fazenda, Casa Civil e Copa do Mundo, MT Fomento, e Articulação Institucional, declarou que planeja utilizar toda sua experiência política e administrativa para aumentar a eficiência do poder público.

“Mato Grosso atinge índices altos de arrecadação mas não consegue reverter em investimentos para o cidadão. Autarquias e empresas públicas como Detran, MTI , MT Par… o coração financeiro do estado e os códigos fontes estão nas mãos de terceiros por falta de investimentos na MTI. Estão sucateando nossa processadora de dados e não absorvem transferência de tecnologia. É preciso valorizar o servidor para traçar políticas públicas eficientes, eficazes, definir políticas salariais durante a transição de governo para que não haja sobressaltos durante o mandato. A equalização geral das regras salariais passam pela retenção de imposto de renda na fonte salarial do servidor e que é utilizado pelo próprio estado para outros fins aí está a solução!”

Na sequênmcia o ex-secretário relembrou o pioneirismo da criação do MT Card do funcionalismo público através da MT Fomento. “A MT fomento precisa ser mais atuante, a assembleia legislativa não está cumprindo seu papel, está de joelhos para o governo. Cuiabá luta sozinha por investimentos pois o governo do estado está de costas para a Capital. A agricultura familiar responsável por 70% do que vai à mesa do trabalhador está em último plano das prioridades, precisamos inverter isso, copiar e implantar o programa BALDE CHEIO da Embrapa. O Agronegócio latifundiário produz em escalas superlativas e a fome está inversamente proporcional no estado. Temos que definir cotas da produção dos alimentos da cesta basica no estado e criar estoques reguladores. Precisamos urgentemente implantar políticas públicas perenes profiláticas que evitem a insegurança alimentar!”,  afimou EDER Moraes aplaudido de pé pelos 700 apoiadores presentes .

De acordo com análise do vereador de Cuiabá Mário Nadaf, coordenador da pré-campanha de Moraes na Baixada Cuiabana, a Federação formada pelo PT,PC do e PV vai ter o total de 25 candidatos a deputado estadual. Destes, oito postulantes serão do PV.

“O ex-secretário Éder Moraes e o ex-prefeito de Várzea Grande Wallace Guimarães são as nossas apostas para atingir o coeficiente eleitoral e permitir a vitória de, no mínimo, dois representantes no Parlamento”, disse.

Eder Moraes enalteceu a participação de populares em seu ato inaugural de campanha e ressaltou que a população está cansada de políticos que apenas prometem e não tem propostas. “Minha pré candidatura nasce de um propósito com Deus e se não for para dedicar um mandato aos pequenos e mais necessitados que Deus não me dê mais nenhum mandato. Tive experiência no setor publico e privado que me permite ter esse diferencial para trabalhar em favor da população”, disse ainda Éder Moraes que foi ovacionado e disputado para fotografias no encerramento do evento.

Destaque

Um dos momentos mais emocionantes do evento de lançamento da pré-candidatura de Eder Moraes no Centro de Eventos do Hotel Holliday Inn, foi a oração de encerrramento da reunião, proferida pela mãe de Eder, a missionária Ildecyr Moraes (Veja vídeo abaixo). “Um momento de forte emoção para todos nós presentes, onde pedimos a Deus sabedoria, proteção e serenidade para seguir neste caminho da vida pública a serviço da população, em especial dos menos favorecidos”, finalizou Moraes.

 

Veja galeria de fotos:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA MT

Sexto episódio do “Palco pra 2” traz novos nomes da cena musical de MT

Publicados

em

Foto: DIVULGAÇÃO / ASSESSORIA

O projeto “Palco pra 2” chega ao sexto episódio divulgando artistas autorais de Mato Grosso. Originalidade e encontros musicais marcam as participações de representantes da música popular brasileira produzida em Mato Grosso. Na edição que vai ao ar neste sábado (2), os convidados são Bia Trindade e Heitor Mattos. O programa é exibido às 12h30 e 18h30, com reprises nos seguintes dias: domingo (11h30 / 21h), terça (12h30 / 22h), sexta (12h30 / 22h).

Beatriz Vitória Trindade Alves ou simplesmente Bia Trindade tem 20 anos de idade, mas já acumula experiência e vivências musicais que a colocam em destaque na cena musical de MT. Bia participou, em 2021, do ‘The Voice Brasil’ (TV Globo) e, em fevereiro deste ano, a artista lançou seu primeiro extended play (EP) intitulado “Sempre quero mais”.

Com músicas que vão desde o pop à bossa nova, a cantora afirma que leva para os palcos muitas verdades por meio das suas composições e a própria busca por sua identidade artística. “Viver da arte e ser identificada por meio dela é meu maior desejo”, afirma.

Para marcar esse momento, ela conta, durante a gravação, que trouxe para o palco do programa uma composição nova. “Quis aproveitar essa oportunidade para divulgar uma música nova que estou acrescentando ao repertório e que pretendo lançar em breve”, adiantou animada.

O músico cuiabano Heitor Mattos, de 21 anos, é outro nome que desponta como referência por sua sonoridade e composições. “Gosto de experimentar muitas coisas diferentes, timbres e ritmos. A banda que me acompanha me ajuda a criar com autenticidade e ir colocando uma identidade às composições”, revela.

Suas produções autorais já ocuparam diversos palcos da capital e consolidou seu trabalho musical. “Estar no palco é dos momentos mais importantes e precisa ter muita sintonia com a banda para entregar ao público a arte que fazemos”, avalia.

Sobre a participação no projeto, Heitor considera importante a oportunidade e as parcerias que ele proporciona. “É um privilégio poder subir nesse palco e dividir o meu som, que é único, com a arte de outra artista autoral e que admiro muito”, afirma.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA